Inteligência artificial na contabilidade: qual seu impacto?

inteligencia-artificial-na-contabilidade-qual-seu-impacto

A inteligência artificial na contabilidade já é uma realidade! No entanto, diferente do que os clássicos de ficção científica podem nos fazer imaginar, os avanços tecnológicos servem mais para facilitar nossas tarefas diárias e, principalmente, agilizar processos. A aplicação da tecnologia no ambiente organizacional tem se popularizado: uma pesquisa da Salesforce indica que 37% dos empresários americanos já utilizam a IA.

Em vez de robôs humanoides, o que existe no dia a dia das empresas são supercomputadores capazes de processar e analisar grandes volumes de dados. Já pensou como a IA pode facilitar seus processos? Nosso post conta tudo sobre essa tecnologia e como ela pode potencializar seus resultados. Acompanhe.

Como aplicar inteligência artificial nas empresas?

O jargão “inteligência artificial” foi cunhado em 1956, após as pesquisas científicas pioneiras na Dartmouth College, nos EUA. A ideia dos cientistas que desenvolveram a IA era descrever com tão enorme precisão a capacidade racional humana que seria possível simular essa inteligência em máquinas. Mais de cinquenta anos se passaram, e vemos inúmeros avanços na pesquisa que se iniciou.

Um sistema inteligente tem capacidade de processar dados em grande escala, identificar e compreender padrões e realizar predições com rapidez e assertividade. Para as empresas, a grande vantagem da tecnologia é a possibilidade de potencializar o desempenho nas atividades diárias. Como? Realizando as análises preditivas.

No escritório de contabilidade, a IA pode ser aplicada para potencializar os diferenciais competitivos, fazendo a companhia se destacar da concorrência. Afinal, a inteligência artificial na contabilidade torna possível que os dispositivos racionalizem, sinalizem decisões e até decidam ações para solucionar problemas.

Quais os impactos da inteligência artificial na contabilidade?

Quer aproveitar os benefícios da IA no seu escritório? Há inúmeras aplicações possíveis para fortalecer sua marca:

Times de alta performance

A Siri da Apple é um grande exemplo de assistente pessoal eficiente. Esse recurso é fruto da inteligência artificial e utiliza o aprendizado de máquina. Os colaboradores podem consultar calendários e tarefas com facilidade, além de acionar alarmes e lembretes por meio de comandos de voz. O time consegue trabalhar melhor e seu escritório não vai perder nenhum compromisso!

Precisão

Os robôs podem trabalhar com autonomia e aprender novos padrões em tempo real, além de interagir com outras máquinas. Talvez não estejamos tão longe dos filmes de ficção científica. Alguns nem exigem programação, bastando ser ensinados uma vez a fazer o trabalho.

O que isso significa para a empresa? Mais precisão em seus processos, especialmente por conta da redução abrupta dos erros causados por fator humano.

Aproveitamento do tempo

Os chatbots são recursos de inteligência artificial que operam interagindo com outros aplicativos. Para isso, eles replicam o comportamento decisório de um ser humano: reconhecem nomes, números de documentos e avaliam a reação do consumidor.

Quando ligado ao banco de dados da empresa, onde estão gravadas todas as informações, o chatbot faz as conexões que o cliente solicita. O colaborador não precisa intervir nessa relação, o que economiza o tempo útil da equipe, que pode ser realocado para atividades estratégicas.

Atendimento de qualidade

O Watson é um verdadeiro queridinho quando falamos em computação cognitiva. O sistema fala e entende o que falam para ele. A tecnologia tem potencial para otimizar o atendimento aos clientes, o treinamento da equipe de colaboradores e até mesmo a gestão das finanças.

A grande sacada do Watson é aprender com a própria experiência. Assim, à medida que ele desenvolve atividades dentro da empresa, ele gera mais conhecimento, desenvolvendo padrões condizentes com a cultura organizacional que ele absorve.

Predições

Com a inteligência artificial, as máquinas se tornam capazes de predizer alguns quadros e situações com base nas informações que agregaram. Assim, gestor e equipe podem mensurar a eficiência das campanhas publicitárias e dos planos de ação da empresa, antes mesmo de colocá-los em prática. Isso permite uma grande economia de recursos e assertividade nos processos.

A tecnologia também é capaz de segmentar seus clientes com base em comportamentos preditivos, agrupando os consumidores de acordo com seus padrões de resposta às ações da marca.

Agora você já sabe como a inteligência artificial na contabilidade pode potencializar os resultados positivos. Para receber mais postagens de qualidade, siga-nos nas redes sociais! Estamos no Facebook, Twitter e no LinkedIn.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *