Regime tributário: você sabe o que é o Simples Nacional?

O regime tributário é algo extremamente necessário na gestão de uma empresa, afinal de contas, é ele que define qual a melhor forma que existe para a organização pagar pelos tributos.

E apesar de parecer que a definição do regime tributário é apenas uma decisão burocrática, fique sabendo que é muito mais que isso! Essa escolha é totalmente estratégica, pois evita que a empresa pague mais ou menos impostos do que deveria. Por isso, é crucial entender os detalhes de cada regime, para fazer a escolha correta e ficar em dia com o Fisco.

Para te ajudar a entender melhor, hoje vamos falar sobre um dos regimes mais conhecidos, o Simples Nacional. O Simples tem como principal objetivo, integrar os impostos em uma única data, com a intenção de facilitar o pagamento dos impostos. Sendo assim, como o próprio nome diz, esse regime existe para simplificar a tributação para Microempreendedores Individuais (MEI), Micro e Pequenas Empresas.

Os tributos recolhidos nesse regime são:

  • Programa de Integração Nacional – PIS;
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social – Cofins;
  • Instituto Nacional de Seguridade Social – INSS;
  • Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI;
  • Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS;
  • Imposto sobre Circulação de Serviços – ISS;
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – CSLL; e
  • Imposto de Renda da Pessoa Jurídica – IRPJ.

Ao optar pelo Simples Nacional, você terá vários benefícios, como a facilitação do processo de contabilidade e a redução de custos trabalhistas.

Aqui na Questor, o Simples Nacional fica realmente SIMPLES. Um exemplo, é a geração da guia do Simples. Após a entrada das informações por parte do usuário, o robô Quiu entra em ação. Ele transmite os dados para o Portal da Receita Federal, quebra o captcha, extrai e publica a guia no Portal Zen, avisa o cliente final para que ele possa ter acesso ao documento e baixa a atividade do Simples Nacional.

Espero que esse conteúdo tenha te ajudado a entender melhor sobre os regimes tributários. Você pode conferir mais conteúdos como esses nas nossas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, Linkedin e Youtube.